Olá, seja bem vindo ao site pessoal do Cab que, além de tecnicamente ser o site mais bem feito que ele já fez, meio que serve como um grande registro online de todas as peripécias que ele aprontou ao longo de sua vida. Pode parecer meio desinteressante agora, querido amigo stalker, mas será um prato cheio daqui a alguns anos quando você estiver velho e nostálgico e voltar aqui para relembrar todos esses bons momentos.


Cab: Quem é, o que come, onde vive?  Sexta no Globo Repórter

Foto de Cab

Para quem não o conhece, Pedro Cab é um blogueiro cabeçudo com certos conhecimentos técnicos adquiridos por pura curiosidade ao longo de sua da vida e que os utilizou para criar uns sites com alguma relevância na história da “meritocracia informal da internet”.

Cab cresceu se aventurando pelas violentas ruas da planície recifense e logo cedo se interessou pelo maravilhoso mundo da internet. Não demorou muito até o cabeçudo descobrir como era fácil publicar suas besteiras por toda imensidão da web.

Ainda na adolescência passou a futucar em códigos HTML e criou uma página para que seus colegas da escola pudessem manter contato (sim, muito antes do Mark Zuckerberg e toda essa enxurrada de redes sociais) e uma outra página sobre RPG (sua principal fonte de entretenimento antes de ficar velho e descobrir os encantos da cerveja).

Apaixonado por assuntos nerds como tecnologia, a internet e o universo, além de possuir um certo fascínio pela cultura pop enlatada americana como filmes, música e seriados, acabou criando o PortalCab no início desse século com a intenção de poder falar livremente sobre as coisas que gosta ou acha de alguma maneira interessante. Por incrível que pareça isso deu certo e hoje ele vive disso ou, pelo menos, consegue pagar suas cervejinhas com o dinheiro nem um pouco suado provido pelo Google AdSense. =D

Cab já viveu e morrerá no ano 2056 em um apocalipse zumbi

Resumindo: Cab é um loser, nerd, cabeçudo, meio-maratonista, fervoroso seguidor do dudeísmo, super-herói nas horas vagas e futuro 1º brasileiro a ganhar um Nobel. Merece um prêmio por possuir o domínio mais supimpa da internet e resumir toda a sua gloriosa vida cheia de feitos e conquistas em uma única página!